sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Dinâmica : Somos um só corpo

 A história e a dinâmica abaixo poderá ser usada para ilustrar "A parábola dos talentos " 

O dia em que o corpo quase entrou em greve

Certa vez, um corpo entrou em crise, porque o cérebro resolveu fazer greve. Ele dizia:
- Eu sou o órgão mais importante do corpo. Sou eu que comando tudo. Se eu parar o corpo todo pára.
Ouvindo isso, o coração ficou chateado e respondeu:
-Ah, é? Então você é o mais importante? E acha que pode desprezar os outros membros do corpo? Pois fique sabendo que você só funciona,porque eu – o coração – bombeio o oxigênio, para te sustentar Porque se eu parar, você não consegue sobreviver mais que cinco minutos.
Por isso, eu é que sou o mais importante.
Os pulmões ouviram a conversa e reclamaram:
- Que conversa é essa? Somos nós – os pulmões – que purificamos o oxigênio e o colocamos no sangue para que o coração o bombeie para o corpo todo. Então, nós somos os mais importantes membros do corpo.
O nariz ouviu a conversa e entrou no assunto:
- Pois vocês pulmões não teriam o oxigênio, se eu – o nariz – não respirasse a toda pressa, levando o ar para dentro do corpo. Se é assim, eu sou o mais importante.
E a briga estava formada. O fígado ouviu e reclamou, pois ele ajuda a fabricar o sangue que transporta o oxigênio. O estômago também reclamou pois ele faz a digestão da comida que dá sustento ao corpo.
A boca reclamou, porque sem ela quem iria mastigar a comida?
As mãos reclamaram, porque são elas que colocam a comida na boca. E os pés reclamaram, porque são eles que andam até o mercado para comprar a comida.
Então, chegaram a um acordo.
Todos nós somos igualmente importantes. Se qualquer um de nós parar de funcionar, o corpo todo vai ficar prejudicado.
 E resolveram não entrar em greve.
-

 SOMOS UM SÓ CORPO

 Lembrar que há alguns textos bíblicos muito bonitos,escritos pelo apóstolo Paulo, que fazem uma
comparação entre nós e um corpo. Paulo mostra que o corpo é formado por muitos membros. Cada
membro tem uma função diferente. Cada membro é diferente. Se todos os membros fossem iguais, o corpo
ficaria meio esquisito. Então, as diferenças enriquecem o corpo. Mesmo diferentes, todos os
membros são muito importantes.

-
Se for oportuno, ler os textos: Rm 12, 4-8; 1 Cor 12,4-11; 12-27
 Pelo menos o catequista deve ler os textos e comentar com a turma, mostrando o sentido das comparações com o corpo.
-
  • Levar um corpo recortado em papel, cada membro recortado numa peça (cabeça, olhos, boca, nariz,pescoço, braços, pernas, mãos, pés, tronco etc)
  • Explicar para a turma que as diversas peças formam um corpo. Convidar a turma para juntar as peças,montando o corpo, como se fosse um quebra-cabeça.
  • Fazer a montagem no chão mesmo. Se quiser colarem um painel. Cada criança pode receber uma peça e procurar encaixá-la, de modo a formar o corpo.
  • -Formado o corpo, concluir a atividade reforçando o sentido da diversidade de dons e da interação entre os diversos membros diferentes para formar o corpo
  • .Unir essa ideia com a história dos talentos, mostrando que quando cada um fica feliz com os seus dons e os desenvolve, tudo funciona bem, como quando no corpo todos os membros cumprem sua função, sem se preocupar se são mais ou menos importantes.

2 comentários:

  1. Adorei esse texto, para interagir melhor, na minha turma, dei um pedaço do texto para cada um, representando um órgão, depois da conclusão montamos o corpo com a participação de todos. bjos

    ResponderExcluir
  2. Gostei da sua ideia. Assim , as crianças ficam mais motivadas em conhecê-lo por inteiro. E que bom que pude ser útil. Esse é mesmo o objetivo do blog. Partilhar aquilo que deu certo e obteve bons resultados . Bjs > volte sempre.

    ResponderExcluir